CGE é finalista no IV Concurso de Boas Práticas da Rede Nacional de Ouvidorias

24 de Fevereiro de 2021 ← ver outras

A Controladoria e Ouvidoria Geral do Estado (CGE) é um dos órgãos finalistas no IV Concurso de Boas Práticas da Rede Nacional de Ouvidorias. A novidade foi anunciada durante a I Reunião da Rede de Ouvidorias do Estado. A CGE participa do concurso com a prática “A Transparência da participação cidadã nas ações de combate ao coronavírus”, na categoria Fomento à Participação e ao Controle Social em Tempos de Pandemia.

 

A coordenadora de Ouvidoria da CGE, Larisse Moeira, explica um pouco sobre as ações que compõem a boa prática apresentada no concurso. “Inicialmente, criamos categorias de assuntos relacionadas ao Coronavírus (Covid-19), no módulo de Ouvidoria da plataforma Ceará Transparente, para facilitar a identificação e qualificação dessas demandas e proporcionar maior celeridade no tratamento e encaminhamento. A partir dessa classificação, contando com o apoio da equipe de TIC, disponibilizamos as informações em transparência ativa, na forma de painel dinâmico, em que podem ser realizados diferentes filtros dentro do Ceará Transparente”.

 

Reunião da Rede de Ouvidoria do Estado

 

Realizada na manhã desta quarta-feira (24), a I Reunião da Rede de Ouvidorias do Estado contou com a participação de cerca de 100 profissionais atuantes nas setoriais dos órgãos e entidades estatais do Estado. O momento é promovido pela CGE bimestralmente para permitir o nivelamento de informações pertinentes ao serviço e possibilitar a troca de experiência entre os profissionais.

 

 

Nesta edição da reunião, a equipe técnica da Coordenadoria de Ouvidoria da CGE apresentou as metas estipuladas para serem cumpridas pela área ao longo do ano de 2021, detalhes da minuta do decreto que regulamenta a obrigatoriedade da Carta de Serviços do Cidadão e ainda do processo de avaliação de serviços públicos do Estado, o Plano de Capacitações de Ouvidoria e um balanço dos números relativos ao serviço.

 

“Apesar do ano atípico que tivemos, os resultados foram satisfatórios se considerarmos a capacidade operacional das instituições públicas que foram amplamente atingidas por conta da pandemia. As Ouvidorias tiveram o papel fundamental nesse momento, tendo que se reinventar, adotando novas ações de forma a garantir que o cidadão seja atendido com qualidade e com a maior celeridade possível em suas manifestações, contribuindo para que a participação cidadã não fosse drasticamente afetada”, destacou o articulador de Ouvidoria da CGE, Jean Lopes.

 

“Os resultados apresentados demonstram que tivemos melhorias em diversos aspectos, a partir de uma análise quanti-qualitativa o saldo foi positivo no tocante à atuação das nossas ouvidorias nesse momento tão difícil”, explicou.

 

Ainda durante o encontro, os profissionais foram informados sobre as ações que serão desenvolvidas pela Célula de Monitoramento de Demandas da Sociedade e apresentados às experiências exitosas realizadas pela Central 155 em parceria com as setoriais durante último ano de 2020.

 

 

Fonte:

Assessoria de Comunicação CGE-CE

(85) 3101-3474

comunicacao@cge.ce.gov.br

www.cge.ce.gov.br | ouvidoria.ce.gov.br



Controladorias de Pernambuco e Minas Gerais trocam experiências na área de gestão de riscos

Fortalecer o processo de gestão de riscos já iniciado em sua estrutura organizacional. Esse é o foco da Secretaria da Controladoria-Geral do Estado (SCGE) ao...

saiba mais

Atividades de controle interno contribuem para a eficiência da gestão pública

O controle interno é um dos macrossetores da Controladoria-Geral do Estado do Tocantins (CGE-TO) e atua na orientação e no monitoramento da correta aplicação do dinheiro público   Dentre ...

saiba mais

nos acompanhe nas redes sociais

Receba nossas novidades por e-mail.

CONACI - Conselho Nacional de Controle Interno - Todos os direitos reservados- 2018