Goiás atinge pontuação máxima em ranking de transparência sobre o coronavírus

22 de Maio de 2020 ← ver outras

Goiás alcançou os 100 pontos do ranking nacional da Open Knowledge Brasil (OKBR), que avalia os dados referentes ao Índice de Transparência da Covid-19 nos portais e sites dos governos estaduais e federal. O ranking foi divulgado no início da noite da última quinta-feira (21/5) e esta é a primeira vez que um estado alcança a pontuação máxima desde que a avaliação semanal foi implantada, no começo de abril. Minas Gerais e Ceará também estão em primeiro lugar, com 100 pontos.

 

Para manter sua meta de austeridade e seriedade com os recursos públicos, o Governo de Goiás criou o CoronaTransp no final de março, onde a população e os órgãos de controle têm acesso a todos os dados referentes à aquisição de bens e serviços no combate ao coronavírus e o detalhamento dos casos da doença no Estado. O CoronaTransp, que está no Portal da Transparência, é coordenado pela Controladoria-Geral do Estado e pela Secretaria de Estado da Saúde, que tratam e divulgam as informações em formato de dados abertos.

 

Ao longo destas semanas, a CGE e a SES foram adequando os dados à metodologia da organização e o Estrado chega agora ao nível mais alto da avaliação – estava com 90 pontos na semana passada. Quem ganha com isso é a sociedade, que tem na transparência do Governo de Goiás um aliado e a certeza de que os valores dos impostos são bem aplicados e como são investidos. O ranking pode ser conferido no endereço www.transparenciacovid19.ok.org.br.

 

Para a composição do no Índice de Transparência da Covid-19, são avaliados um conjunto de dados essenciais (conteúdo) e parâmetros para que sejam publicados (granularidade e formato). Na medida em que a transparência das informações de cada ente corresponde a estes critérios, mais essa transparência contribuirá para agilizar o trabalho interno dos órgãos públicos e facilitar o envolvimento de outros setores da sociedade para construir soluções em conjunto com o poder público.

 

A Open Knowledge Brasil, também conhecida como Rede pelo Conhecimento Livre, é uma organização da sociedade civil sem fins lucrativos e apartidária que atua no país desde 2013. Desenvolve e incentiva o uso de tecnologias cívicas e de dados abertos, realiza análises de políticas públicas e promove o conhecimento livre para tornar a relação entre governo e sociedade mais transparente e participativa.

 

Fonte:

Ricardo Santana
Comunicação Setorial

Controladoria-Geral do Estado de Goiás

 



CGE implementa melhorias no Sistema de Parceiras do Estado

O e-Parcerias recebeu uma nova atualização de melhorias para proporcionar maior segurança e agilidade nas celebrações de parcerias realizadas pelo Governo do...

saiba mais

Fiscal de contratos em afastamento não pode atestar notas

Na hipótese de afastamento simultâneo do fiscal de contratos e do substituto, a administração pública deve nomear outro servidor público para exercer a ativi...

saiba mais

nos acompanhe nas redes sociais

Receba nossas novidades por e-mail.

CONACI - Conselho Nacional de Controle Interno - Todos os direitos reservados- 2018