Modelo IA-CM é aprovado como referencial metodológico para o Conaci

21 de Outubro de 2019 ← ver outras

 
O presidente do Conselho Nacional de Controle Interno (Conaci), Leonardo Ferraz, no uso das atribuições previstas no estatuto da instituição, aprovou uma nova resolução para a instituição, durante a 32ª Reunião Técnica do Conaci – 32ª RTC, promovida no dia 27 de setembro de 2019, em Fortaleza. Trata-se do modelo IA-CM (Internal Audit Capability Model), elaborado pelo Instituto dos Auditores Internos (IIA), que poderá ser utilizado como referencial metodológico de avaliação da atividade de auditoria interna dos órgãos integrantes do Conselho Nacional de Controle Interno.


A Resolução Nº 006/2019 também recomenda a utilização da Planilha de Avaliação e do Roteiro de Avaliação do IA-CM, elaborados no âmbito do Acordo de Cooperação Técnica firmado entre a CGU, a CGDF, o Serpro e o Conaci. Com a aprovação da resolução, as controladorias filiadas ao Conaci são incentivadas a utilizar a ferramenta e, dessa forma, aumentar seu potencial de agregação de valor às organizações auditadas, mediante abordagem sistemática e disciplinada, com foco nos processos de governança, gestão de riscos e controle internos.


O Auditor Federal de Finanças e Controle da Controladoria Geral da União (CGU), Sergio Filgueiras, comentou a importância da disseminação do IA-CM por meio da aprovação do Conselho: “O modelo permite diagnosticar o nível de capacidade da unidade de Auditoria e o padrão de serviço que ela pode prestar às organizações públicas, fornecendo os elementos para a construção desse caminho. A utilização do IA-CM contribuirá para o aprimoramento contínuo da atividade de auditoria interna no Brasil, de forma convergente com as melhores práticas internacionais. A resolução está alinhada com o posicionamento da CGU, que, por meio da Portaria nº 777/2019, recomendou a utilização do IA-CM pelas unidades de auditoria interna federais”, comenta.


Sobre o Modelo Internacional


O IA-CM (Internal Audit Capability Model for the Public Sector), desenvolvido em 2009, pelo Instituto dos Auditores Internas (IIA), sob coordenação do The Institute of Internal Auditors Foundation Research (IIARF) e apoio do Banco Mundial, é um modelo universal de avaliação de capacidade que possibilita a identificação dos elementos necessários para o estabelecimento de uma atividade de auditoria interna efetiva no setor público, de modo a fornecer um plano sequencial, lógico e evolutivo para o seu desenvolvimento, em alinhamento às necessidades da organização e aos padrões profissionais aplicáveis à atividade de auditoria interna.

 

Roteiro para avaliação do IA-CM



Encontro destaca as boas práticas no controle interno estadual

Algumas das boas práticas desenvolvidas pelas Unidades de Controle Interno (UCIs) dos órgãos e entidades do Poder Executivo Estadual foram apresentadas e...

saiba mais

Ouvidoria-Geral do Estado recebe equipe da SDS

O planejamento de atividades para 2020, a promoção de curso de neurolinguística e o projeto “Em Frente Brasil”, do Governo Federal, foram assuntos debatidos...

saiba mais

nos acompanhe nas redes sociais

Receba nossas novidades por e-mail.

CONACI - Conselho Nacional de Controle Interno - Todos os direitos reservados- 2018