Secretário da CGE participa de lançamento do Índice de Percepção da Corrupção 2019

23 de Janeiro de 2020 ← ver outras

Durante o evento, o representante do Governo do Estado do Ceará, participou como painelista discutindo os resultados do índice global e do relatório brasileiro.

 

O secretário de Estado Chefe da Controladoria e Ouvidoria Geral do Estado (CGE), Aloísio Carvalho, participou, nesta quinta-feira (23), da cerimônia de lançamento do Índice de Percepção da Corrupção 2019 (IPC – 2019), que aconteceu em São Paulo. O representante do Governo do Estado do Ceará participou como painelista discutindo os resultados do índice global e do relatório brasileiro.

 

“Além de um momento de reflexão sobre os resultados do Índice, este momento também é importante para apresentar boas iniciativas no âmbito da Transparência que estão sendo desenvolvidas no Brasil. O Estado do Ceará possui a plataforma Ceará Transparente, premiada nacional e internacionalmente, que estabelece um novo patamar de relacionamento entre os cidadãos e o Governo, facilitando o acesso aos serviços de Ouvidoria, Transparência e Acesso à Informação”, ressaltou.

 

“Outro destaque que apresentei aqui é a legislação própria referente ao acesso à informação que o Estado do Ceará possui, Lei nº 15.175/2012, que cria um sistema e estrutura a aplicação do acesso à informação no Ceará. Também temos uma iniciativa relacionada à Integridade, com nosso Programa de Integridade, que será implementado nos órgãos e entidades do governo estadual; e a atuação da nossa área de Correição, que terá um trabalho forte na coordenação das atividades de orientação técnica sobre sindicância e processo administrativo de responsabilização, nas atividades de apuração de denúncias e nas atividades de prevenção, neutralização e combate à corrupção”, pontuou o secretário.

Índice de Percepção da Corrupção (IPC) 

 

O Índice de Percepção da Corrupção (IPC), promovido pela Transparência Internacional desde 1995, atua como indicador de corrupção no mundo, reunindo resultados de 180 países e territórios internacionais. 

 

O Brasil aparece em 106º lugar no ranking em 2019, com pontuação de 35 pontos. O índice avalia nível de corrupção por meio de uma escala de 0 a 100, em que 0 significa que o país é considerado altamente corrupto e 100 significa que o país é considerado muito íntegro.

 

O IPC pontua e classifica os países com base no quão corrupto o setor público é percebido por executivos, investidores, acadêmicos e estudiosos da área da transparência. O índice analisa aspectos como propina, desvio de recursos públicos, burocracia excessiva, nepotismo e habilidade dos governos em conter a corrupção.

 

Programa de Integridade dos Estados Brasileiros

 

Em dezembro de 2019, o Governo do Estado assinou um acordo de cooperação técnica com a Transparência Internacional – Brasil, com o objetivo de unir esforços para criação de um programa de cooperação e uma agenda técnico-institucional a fim de aprimorar o controle da corrupção no estado.

 

O Ceará participa do Programa de Integridade nos Estados Brasileiros, que visa contribuir com os esforços dos governos estaduais no enfrentamento da corrupção e promoção da integridade. O Programa é coordenado pela Transparência Internacional, com o apoio do Projeto Diálogos Nórdicos, em parceria com as Embaixadas da Dinamarca e do Canadá.

 

Representado pela Controladoria e Ouvidoria Geral do Estado (CGE), o Governo do Estado participou de uma visita de estudo à Dinamarca para conhecer a estrutura e a organização da administração pública do país, conhecido internacionalmente por possuir a menor percepção de corrupção do mundo.

 

*Com informações da Transparência Internacional Brasil

 

Fonte:

Assessoria de Comunicação CGE-CE

(85) 3101-3474

comunicacao@cge.ce.gov.br

www.cge.ce.gov.br | ouvidoria.ce.gov.br



Governo do Tocantins regulamenta novas regras para procedimentos administrativos de responsabilização de servidores públicos

O Governo do Tocantins, por meio da Controladoria-Geral do Estado (CGE-TO), regulamentou novos prazos de defesa e prazos recursais para procedimentos adminis...

saiba mais

ECI/SCGE encerra programação dos cursos online promovidos em setembro

Com o curso “Suprimento individual e institucional – execução da despesa e prestação de contas”, a Escola de Controle Interno Professor Francisco Ribeiro, da...

saiba mais

nos acompanhe nas redes sociais

Receba nossas novidades por e-mail.

CONACI - Conselho Nacional de Controle Interno - Todos os direitos reservados- 2018