Estudantes de Atitude’ do Colégio Estadual Jardim América apresentam relatório da Auditoria Cívica

30 de Outubro de 2019 ← ver outras

“Eu só quero é ser feliz, ser cidadão de bem e ver a escola evoluir”, cantaram os alunos do Colégio Estadual Jardim América (Ceja) na apresentação do relatório da Auditoria Cívica do projeto Estudantes de Atitude. Etapa antecede o diagnóstico para a escolha da intervenção que será feita pelos alunos frente ao desafio escolhido.

 

 

O Projeto Estudantes de Atitude abriu, na manhã da ultima terça-feira (29/10), no Colégio Estadual Jardim América (CEJA), a fase da Auditoria Cívica. Dezenas de alunos prestigiaram a solenidade, que contou com a presença de autoridades da Controladoria-Geral do Estado (CGE-GO), da Secretaria da Educação (Seduc) e da Controladoria-Geral do Estado de Minas Gerais, que vieram à Goiás para conhecer o projeto.

 

 

Apresentado pelo professor André Luís Thomé, o relatório da Auditoria Cívica do Ceja resultou de entrevistas com mais de 700 alunos e com 40 professores e funcionários da escola. Os dados coletados servirão de base para o diagnóstico dos principais problemas do colégio. A partir daí, os alunos farão a escolha daqueles que serão enfrentados em busca de solução.

 

 

“Com a ajuda de vários professores, de todas as áreas, conseguimos levantar de forma fidedigna e imparcial a real situação da escola. Desde o início os alunos se engajaram muito e o resultado, por si só, é engrandecedor. Nós ficamos impressionados porque, em nível estrutural, os alunos não enxergaram tantos problemas assim o que, para nós, significa que o trabalho desenvolvido pelo grupo escolar é bem mais expressivo que as limitações”, pontuou André Luís.

 

 

A aluna Jeice Oliveira da Silva, do 3ºD, agradeceu a oportunidade de participar do projeto. Ao lado dela, Felipe Dias dos Reis, do 3ºA, mencionou que a melhoria das condições da escola, sem dúvida, influencia na motivação e, consequentemente, na capacidade de aprendizado dos alunos. “Por exemplo, se eu tenho uma biblioteca funcionando, que seja também agradável, isso sem dúvida vai nos dar mais prazer em ler”, afirmou.

 

 

A sala da biblioteca – assim como várias outras – estava sinalizada com cones improvisados com os escritos “alunos trabalhando”. “A ideia foi deles, de sinalizarem os locais onde eles estão nos ajudando a organizar os ambientes, especialmente a biblioteca”, informou a diretora da escola, Rosirene Dias. A professora Rita de Cássia, da Secretaria da Educação, reforçou a importância da participação dos alunos no projeto, que tem “transformado o ambiente escolar, a partir do protagonismo dos alunos”.  

 

 

Em visita à Goiás, a superintendente central de Integridade e Controle Social da Controladoria-Geral do Estado de Minas Gerais, Juliana Aschar, que veio conhecer o projeto acompanhada do gestor executivo de Riscos, Auditoria Interna e Compliance da MRV Engenharia, Alex Medeiros, ficou surpresa com a movimentação da escola em torno do Estudantes de Atitude. “Sem dúvida, a implantação desse projeto é um caminho sem volta. Ver o engajamento de vocês nos traz uma motivação adicional para trabalharmos a implantação do Estudantes de Atitude lá em Minas”, afirmou.

 

 

O controlador-geral do Estado, Henrique Ziller, agradeceu aos alunos, professores e grupo gestor da escola pela receptividade, não somente ao projeto, mas aos servidores que participaram da atividade no Ceja. “Quero agradecer aqui às autoridades presentes, que nesse caso, são vocês, estudantes. Vocês, ao lado dos professores, é que são os protagonistas e que estão fazendo as coisas acontecerem. Toda semana eu tenho visitado as escolas e fiquei encantando com o trabalho que vocês estão fazendo aqui. Parabéns a todos e obrigado pela oportunidade”, agradeceu Ziller.

 

 

O projeto

O projeto Estudantes Atitude é coordenado pela Controladoria-Geral do Estado de Goiás (CGE-GO) e Secretaria de Educação de Goiás (Seduc), com o objetivo de fomentar a cidadania e a participação social dos alunos e professores da rede estadual de ensino. Participam do projeto-piloto 105  escolas e, em 2020, será aberto para todas as 1.100 unidades do Estado.

 

 

Resumidamente, o projeto é uma gincana que viabiliza, por meio de várias etapas, como oficina, auditoria cívica, experiência cultural, missão especial e tarefa especial, a visualização dos espaços públicos – no caso a escola – a partir de um olhar cidadão. Apoiada por um relatório com informações coletadas pelos próprios alunos, a comunidade escolar é desafiada a implementar uma melhoria estrutural. Ao final, as escolas mais inovadoras são premiadas financeiramente, assim como alunos e professores envolvidos.​

 

 

Comunicação Setorial

Controladoria-Geral do Estado de Goiás

F: 3201-5372



CGE-MT prorroga inscrições do seletivo para contratação de analista de TI

A Controladoria Geral do Estado (CGE-MT) ampliou de segunda-feira (06.12) para quarta-feira (08.12) o prazo de inscrições para o seletivo simplificado destin...

saiba mais

CGM-Niterói marca presença na 40° Reunião Técnica do CONACI

A controladora-geral do Município, Cristiane Mara Rodrigues Marcelino, representando a CGM-Niterói, esteve presente na 40° Reunião Técnica do CONACI, que aconte

saiba mais

nos acompanhe nas redes sociais

Receba nossas novidades por e-mail.

CONACI - Conselho Nacional de Controle Interno - Todos os direitos reservados- 2018